Viaduto do Capanema ficará bloqueado no fim de semana e no feriado

Ilustração: SMCS Curitiba

De sábado (4/9) até a próxima quarta-feira (8/9), o Viaduto do Capanema – na continuação da Avenida Prefeito Omar Sabbag – ficará totalmente bloqueado para a passagem de veículos. A interrupção no trânsito será necessária para obras na junta de dilatação da estrutura, para a construção do Complexo de Segurança Alimentar Capanema – formado pelo Armazém da Família Vila Torres e pelo Espaço Social do Mesa Solidária.

O bloqueio de trânsito foi programado para o fim de semana e feriado de modo a causar o menor impacto possível ao tráfego de quem passa rotineiramente pela região. A previsão é que, a partir da quinta-feira (9/9) pela manhã, o tráfego volte a fluir normalmente.

Durante o período de bloqueio, agentes da Superintendência de Trânsito (Setran) farão rondas. O trecho bloqueado estará sinalizado pela empresa responsável pelo serviço e barreiras de trânsito complementarão o alerta visual ao motorista.

Bloqueios parciais também acontecerão ao longo dos cinco dias uma quadra antes do viaduto, pela Avenida Omar Sabbag e, também, pela via que cruza o viaduto (Rua Engenheiro Leão Sounis).

Desvios

Enquanto durar a intervenção na pista, os motoristas precisarão desviar o caminho (veja mapa). A melhor opção é, em vez de passar pelo Viaduto do Capanema, optar pelo Viaduto do Colorado. Desse modo, quem estiver na BR-277 pode continuar pela Avenida das Torres. Já quem seguir em direção à saída da capital seguirá em frente a partir da Rua Tibagi.

Além desses caminhos alternativos, o motorista que estiver mais próximo do Viaduto do Capanema poderá acessar a Avenida Prefeito Omar Sabbag (em direção ao Centro da cidade e virar à esquerda na Rua Engenheiros Rebouças.

No sentido oposto (saída da cidade), o desvio para quem estiver na Rua Ubaldino do Amaral é pela Avenida Visconde de Guarapuava ou, ainda, pela Avenida Presidente Affonso Camargo.

Linha de ônibus

Por causa das obras, a linha de ônibus 305 Centenário terá mudança de itinerário de sábado (4/9) a quarta-feira (8/9). A linha fará desvio pela Avenida Pref Lothário Meissner, ruas Dr. Jorge Meyer Filho e Engenheiro Ostoja Roguski, Avenida Presidente Affonso Camargo (pista lenta), Ruas Padre Germano Mayer e Reinaldino S. de Quadros, retornando ao itinerário oficial sentido Centro e pela Ubaldinho do Amaral, Avenida Senador Souza Naves, ruas Padre Germano Mayer, do Herval e Schiller, Avenida Dario Lopes dos Santos, ruas Hildebrando de Araújo e Engenheiros Rebouças, retornando ao itinerário oficial, sentido bairro.

Juntas de dilatação

O bloqueio do Viaduto do Capanema atende a solicitação do Departamento de Edificações da Secretaria Municipal de Obras Públicas, que durante o período de interrupção do trânsito de veículos coordenará o trabalho de substituição de duas juntas de dilatação da estrutura viária. Sob o ponto do viaduto que receberá as juntas de dilatação está sendo construído Armazém da Família e Espaço Social Capanema e a troca acontece neste momento para não afetar o novo local de referência em solidariedade e alimentação saudável. 


“Iniciamos os serviços em maio e agora teremos que executar a substituição das juntas de dilatação do viaduto para não causarmos prejuízos à edificação do novo Armazém da Família e Espaço Social Capanema mais tarde, depois que ele já estiver pronto”, explicou Rodrigo Rodrigues, secretário municipal de Obras Públicas.  

O novo Armazém da Família e Espaço Social Capanema terá 661,66 m² e está recebendo o investimento de R$ 1.728.810,14. O local se transformará no complexo de segurança alimentar que disponibilizará gêneros alimentícios a preços acessíveis e oferecerá refeições a pessoas em situação de vulnerabilidade social em um salão com 80 lugares preparado com mesas e cadeiras. 

Colaboração SMCS Curitiba

Comentários

%d blogueiros gostam disto: